Publicações


Obra Steel Frame: Complexo de Alimentação e Vendas

Projeto arquitetônico: arquiteta Heloisa Pomaro Micura Steel Frame
 
 
A arquiteta Heloisa Pomaro,atua no mercado da construção civil desde 1986, possui uma larga experiência com madeira e técnicas mistas de construção. Em 2002 resolveu trabalhar efetivamente com tecnologias integradas em Steel Frame.

“A utilização de novas tecnologias na construção civil é fato: a construção em alvenaria está se tornando obsoleta. Se levarmos em conta as questões relativas ao meio ambiente a construção a seco proporciona recursos e materiais que causam menor impacto ao meio, isso sem falar de menos desperdício, limpeza na montagem da obra, e o custo benefício.

Este é o caso da empresa Pão de Queijo Espeto e Cia. que procurou a Micura para desenvolver o projeto do seu Complexo de Alimentação e Vendas
 
“Apresentamos ao cliente a técnica do steel frame. Por ser uma obra rápida, limpa e executada por etapas permitiu que o atendimento ao público não fosse suspenso na antiga área de alimentação. Ou seja, o estabelecimento não parou de funcionar enquanto construímos a 1 etapa do novo complexo. E a rapidez na entrega da obra foi fundamental em se tratando de um estabelecimento voltado ao comércio. O custo / beneficio atendeu a expectativa do cliente. Concluímos a primeira etapa e estamos iniciando a segunda, que acrescentará 640 m2.

Há 5 anos, a Micura dedica parte de seu trabalho a pesquisa e experimentação de materiais industrializados que compõem o sistema integrado de construção a seco para a área residencial e comercial.

Os materiais disponíveis no mercado brasileiro que podem compor a plataforma Light Steel Frame, tanto nacionais quanto importados, foram testados e catalogados pela construtora.

“Desenvolvemos critérios para avaliarmos a performance dos materiais e a identificação de patologias. Questões imprescindíveis para colocarmos no mercado um produto com qualidade e garantia”, afirma Helô Pomaro.

Este foi o caminho percorrido pela Micura para chegar a um sistema integrado em light steel frame, viável economicamente e com um conceito arquitetônico bem brasileiro.

Neste processo de escolha de materiais, que teve início em 2002, a empresa trabalhou com 3 grandes fabricantes de gesso; 3 fornecedores de aço; experimentou 4 marcas de placa cimentícia, sendo 3 nacionais e na cobertura trabalhou com 4 sistemas de diferentes fornecedores.

A conclusão dessa pesquisa norteou a escolha dos materiais com os quais a construtora vem trabalhando em suas obras.

Para a equipe da arquiteta “planejar e comercializar um novo conceito de construir, utilizando novas tecnologias da indústria da construção civil é o nosso desafio”.

 
 
 
 
Fonte: www.metalica.com.br
 
 
 


Publicações Anteriores


Todos os direitos reservados a Fabbrica - arquitetura e design